Limpeza, Revitalização e Cristalização
Mantenha a aparência de seu piso como novo!

O sistema de Tratamento de Pisos em clinicas, hospitais, consultórios e até academias, é hoje uma ferramenta imprescindível para quem quer se destacar no mercado. Além do enorme diferencial que poderemos encontrar nos corredores dos hospitais e empresas que utilizam destes sistemas, eles também contribuem para prolongar a vida do piso, protegendo das  sujidades, água e atritos causados por equipamentos, ou simplesmente pelo caminhar das pessoas.

A implantação do Sistema de Tratamento de Pisos poderá facilmente ser percebida através das vantagens que no dia-a-dia serão verificadas.

pisos hospitalares
Vantagens do Sistema
Proteção: A película de polímeros que é formada sobre o piso é que sofre o desgaste, preservando o produto.
Brilho: Melhora a aparência do piso, gerando maior satisfação e sensação de limpeza ao usuário.
Facilidade de limpeza: Impede que a sujeira penetre nos poros do piso.
Durabilidade: Mesmo em condições de tráfego pesado, com a manutenção adequada, só necessita de reaplicação anual.
Preserva a aparência visual do piso, mantendo as cores.
Vedação de eventuais frestas com rejunte próprio para pisos vinílicos
Passo a passo

Os tratamentos proporcionam proteção, conservação e ação antiderrapante, dando-lhe maior segurança para a circulação de pessoas e significativa redução no consumo de produtos e uso de mão de obra. Os tratamentos de pisos são realizados seguindo os passos:

1º passo: Decapagem – com máquinas apropriadas, é feita a lavagem e remoção de todo tipo de sujeiras, manchas, incrustações, ceras acumuladas, seladores e resinas usadas em tratamentos antigos, ou qualquer outro tipo de resíduos.

2º passo: Selagem – é feita a impermeabilização, utilizando-se produtos adequados, específicos para cada tipo de piso.

3º passo: Cristalização – é aplicado ceras metalizadas, com polímeros acrílicos de alto tráfego, auto brilho, e antiderrapante.

4º passo: Polimento – Utilizando-se de enceradeira Ultra High Speed, é feita a “queima” dos polímeros, com discos específicos, criando um filme de extrema dureza, transparente e brilhante.